Sobre os efeitos do Sr. Tempo.

“…mas o tempo foi passando, como passam as andorinhas pelos verões, você foi crescendo, seus heróis se acabando, seus castelos caindo, ruindo, fechando…” (Rebanhão – Helena)

Há uma série de coisas que o tempo tratou de mudar em mim. Semana passada, vi uma banda de garagem na UECE.  Aquele vigor, aquela garra de fazer o rock acontecer mesmo com técnica e equipamentos ruins e a galera gritando e cantando Nirvana…tudo aquilo me lembrou a adolescência, onde eu vivia aquilo e curtia demais. Voltei para casa pensando em quanta coisa eu gostava e curtia. Pessoas que admirava e que hoje não faria isso. Não desejo voltar a passado e mudar as coisas, pois tudo que eu passei, formou o que eu sou hoje e sei que daqui a uns 10 aos, muita coisa que eu acho o máximo, será apenas uma lembrança incômoda.

Enfim… pensei numa lista. Listas geralmente são chatas, mas permita-me apresentar algumas que hoje não fazem o menor sentido pra mim:

Já admirei o Estevam Hernandes da Igreja Renascer, para mim era só um pastor legal, que gostava de rock e escrevia as letras de uma banda que eu curtia demais – o Katsbarnea.

Eu estranhava um senhor que se dizia cristão, mas não freqüentava a igreja que meu pai era pastor. Eu pensava: como alguém diz que é cristão e não vai a igreja? Hoje, a pergunta mudou: como é que tem gente que consegue continuar cristão mesmo indo a determinadas igrejas?

Já sonhei em dominar o mundo com a minha banda de rock. E não adianta negar, todo mundo que toca algum instrumento sonha/sonhou com isso.

Já odiei Música Popular Brasileira porque minhas bandas favoritas de sujeitos cabeludos, com guitarras no máximo e vocalistas berrando ao microfone sempre seriam infinitamente superiores a um velhinho tocando violão num banquinho e que me deixava com sono.

Já toquei e cantei muita música de cantores gospel, ministérios e achei isso o máximo. Hoje, para mim, 95% do que se produz na música gospel é lixo. E pior do que muito lixo que toca na rádio, pois detona com questões sérias, bíblicas e tal. O pior de tudo: tudo isso é feito para louvar a Deus. Desconfio que Ele tenha ótimos abafadores de ouvido no céu para não escutar tanta coisa que oferecem a Ele aqui embaixo.

Igreja, para mim, já foi a casa de Deus.

Já acreditei que o diabo era culpado de tudo de ruim que acontecia. Hoje eu sei que o pior inimigo está dentro de mim.

Fazer faculdade de Administração de Empresas – eu nem sabia do que isso se tratava, eu sonhava ser bombeiro.

Já fiquei com a consciência pesada por praticar coisas que segundo Eclesiastes, são umas das poucas coisas boas que a gente tem direito na vida, mas alguém, em algum lugar do passado, não pode praticar, inventou um jeito de não deixar ninguém praticar (dogma) e criou punições (afastamento da presença de Deus) pra quem se atrevesse.

Já fiquei encantado e emocionado com pregações barulhentas, revelações da vida intima das pessoas em público, profecias de bênçãos, empregos e casamentos arranjados pelo próprio criador – tudo isso era sinal de intimidade com Deus, unção e vida espiritual.

#vergonha.

A lista é enorme e não me lembro de tudo agora. Crie a sua e deixe nos comentários, afinal, só não muda de opinião quem já morreu.

(provavelmente daqui há algum tempo, eu vou achar uma besteira ter escrito tudo isso)

 

Share

Anúncios

2 pensamentos sobre “Sobre os efeitos do Sr. Tempo.

  1. HEHE…Muito bom…Incrível mesmo a gnt olhar pra trás, e ver que tanta coisa mudou, e nem se dá conta, acha que continua o(a) mesmo(a). Mas é isso aí, cada coisa que vivemos nos fez crescer…e muita coisa que fazia sentindo antes, hoje já não o faz…Essa é a beleza da vida…Saber que sempre podemos mudar !

    P.S. Não sabia que voce queria ser bombeiro…ainda tem tempo, rs.

    😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s